Uma homenagem do Dia do Cirurgião Plástico

Postado por Marcos Grillo em 07/dez/2017 - Sem Comentários

No Dia do Cirurgião Plástico, nada melhor do que falar destes profissional que é detalhista e perfeccionista por natureza. É ele quem devolve o bem-estar e a autoestima das pessoas com seu trabalho. Conheça a história da profissão.

Apesar de, hoje, possuir técnicas muito modernas e ser uma área cheia de inovações, a cirurgia plástica é um ramo muito antigo. Desde milhares de anos atrás as pessoas não aceitam as imperfeições do seu corpo, sentindo a necessidade de muda-lo para atingir a aparência desejada. Dessa forma, o cirurgião plástico é uma profissão que vem, há muito tempo, trazendo satisfação e bem-estar aos pacientes.

Como surgiu?

De acordo com registros históricos, papiros escritos cerca de 2.500 a.C, as primeiras cirurgias plásticas foram realizadas na Índia. Os relatos descrevem procedimentos feitos para reconstrução de algumas partes do corpo, principalmente nariz e para tratamento de fraturas da mandíbula.

Nesta época, eram aplicadas muitas punições aos integrantes das tribos hindus. Mulheres adúlteras, por exemplo, tinham seu nariz amputado. Dessa forma, os cirurgiões plásticos da época desenvolviam técnicas com enxertos de pele da parte interna do braço para a reconstrução.

Os registros mostram que o primeiro cirurgião plástico da história foi o indiano Sushruta que, no século VI a.C escreveu o famoso livro ‘Sushruta Samhita’ onde relata as punições hindus e os seus trabalhos para a reconstrução da aparência das vítimas.

Mais tarde, essas técnicas foram superando gerações e se espalhando pelo mundo. No século XV, a Itália era o único país que praticava a rinoplastia. O método utilizado é atribuído ao italiano Gasparo Tagliacozzi, que era professor de anatomia na Universidade de Bolonha e foi o primeiro a publicar um artigo detalhado sobre o procedimento. Isto ocorreu em 1597.

Durante a Primeira Guerra Mundial, a cirurgia plástica atingiu outro patamar ao ser utilizada para amenizar cicatrizes de soldados que se feriram nas batalhas. O nome que ficou famoso por isto foi o do Dr. Harold Gillies. A primeira cirurgia plástica da história foi realizada por ele, em 1917.

Walter Yeo era um soldado que sofreu profundas queimaduras no rosto, resultando na perda das pálpebras inferiores e superiores. Ele foi o paciente de Gillies, que retirou tecido de uma área não atingida (costas ou peito) para fazer um tubo de pele saudável para se conectar ao local ferido, em que seria feito o transplante de pele. Dessa forma, não se perderia o fluxo sanguíneo, possibilitando a regeneração natural e, depois da cicatrização, o tubo foi removido.

Este foi um breve trecho da história da cirurgia plástica. Como podemos ver, o cirurgião plástico tem um papel fundamental para o bem-estar das pessoas e por isso esta data é tão especial!

 

 

Fontes:

https://projetomedicina.com.br/medicina/as-primeiras-cirurgias-plasticas-faciais/

http://cirurgiaplasticabr.blogspot.com.br/2008/12/histria-da-origem-da-cirurgia-plstica.html

http://www.drkleilton.com.br/historia/

http://www.bgcirurgiaplastica.com.br/artigo28-cirurgiaenariz.htm

Site plastificado Dr Marcos Grillo

Postado por Marcos Grillo em 05/jan/2014 - Sem Comentários

Para iniciar 2014 com novas idéias e opções de tratamento cada vez melhores para os pacientes, remodelamos o site.

No site , as pessoas interessadas em se informar a respeito dos principais tratamentos cirúrgicos e não cirúrgicos, existem inúmeras opções de acesso em cada tópico, inclusive com o Blog integrado ao site.

Também há a possibilidade de se manter atualizado com as novidades em cirurgia plástica onde os links para diversos websites e para a nossa página do Facebook.

Cirurgia plástica é com cirurgião plástico!

Postado por Marcos Grillo em 27/maio/2013 - Sem Comentários

Para fazer uma cirurgia plástica, verifique se o médico que você escolheu é realmente um cirurgião plástico filiado a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, com a titulação devida.

–  Consulte o site www.cirurgiaplastica.org.br

– Observe também o currículum do seu médico !

– Currículum extenso significa conhecimento !

Vigésima nona jornada sul brasileira de cirurgia plástica

Postado por Marcos Grillo em 24/abr/2013 - Sem Comentários

Amanhã (25/04) inicia-se a 29 Jornada Sul Brasileira de Cirurgia Plástica, em Curitiba. Durante três dias será debatido o tema central da jornada que este ano é a cirurgia mamária. Os cirurgiões plásticos do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, entre outros vindos de diversos estados do Brasil e países vizinhos, principalmente Argentina estarão participando nos debates.

Dois convidados estrangeiros, um italiano (Gino Rigotti) e um norte americano (Roger Wixtron) apresentarão novidades sobre a cirurgia estética e reparadora da mama.

Tivemos o privilégio de sermos convidados para apresentar nossa experiência com implantes mamários na mesa redonda “Próteses mamárias – Melhorando os resultados e minimizando as reoperações”

Cirurgia Plástica é com Cirurgião Plástico, bem treinado e cauteloso

Postado por Marcos Grillo em 19/fev/2013 - Sem Comentários

Volto a chamar a atenção para os cuidados na escolha do Cirurgião Plástico!

A máxima que afirma para escolher o seu cirurgião plástico você deve procurar o cirurgião plástico que operou a amiga ou a prima precisa ser repensada!
Atualmente existe uma certa facilidade em se autoafirmar “Cirurgião Plástico”.

Evidentemente todo e qualquer médico Cirurgião Plástico que o paciente escolher para fazer sua cirurgia ou seu tratamento estético obrigatoriamente deverá ser membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP). E isto pode ser facilmente  checado por qualquer “paciente” no site oficial da SBCP (www.cirurgiaplastica.org.br).

Mas existem diferenciações entre os Cirurgiões Plásticos ! Isto é, existem três categorias !

A menos graduada é o membro associado que é um médico que fez sua formação em cirurgia geral e cirurgia plástica mas não prestou a prova para especialista. Simplesmente entrou na sociedade de cirurgia plástica por estar praticando a especialidade há longo tempo. A mais frequente é o dito especialista sendo aquele com formação em cirurgia geral e cirurgia plástica e que prestou a prova de título de especialista imposta pela sociedade de cirurgia plástica. A mais graduada é quando o médico com o título de especialista presta a prova de titular em cirurgia plástica que consta de uma apresentação de trabalho científico de sua autoria que tenha relevância para a especialidade.

Dentre os membros titulares também existem aqueles que se aprimoraram na sua formação e defenderam suas dissertações de Mestrado, e se tornaram Mestres, e mais além fizeram suas teses de Doutorado, e se tornaram Doutores !

Mas existem membros especialistas e mesmo titulares que não fizeram uma residência em cirurgia plástica reconhecidamente adequada ! E estão, aos montes, por aí fazendo cirurgias plásticas nas amigas de pacientes! E “minha amiga ficou com a face super esticada ou com o corpo super esbelto ou com as mamas lindas , então vou operar com este (cirurgião plástico) super simpático e que tem um preço super especial ! ”

Cuidado ! A sua cirurgia pode não dar certo !