Rejuvenescimento do rosto com a técnica de Softlift

Postado por Marcos Grillo em 20/dez/2017 - Sem Comentários

A sua aparência pode ficar mais harmoniosa com esse conjunto de técnicas para o rejuvenescimento do rosto, chamado Softlift.

É possível parecer mais jovem sem cirurgia! A expressão “Softlift” refere-se a um conjunto de procedimentos para fazer o rejuvenescimento do rosto sem incisões, realizado no consultório, com resultados excelentes em pacientes que apresentam uma indicação precisa para tal.

Primeiramente, é realizado um detalhado exame da face, iniciando-se pela qualidade da pele, textura, presença de manchas, microvasos, poros dilatados e rugas superficiais. Então, passa-se para a análise da testa, com a presença de rugas transversais de expressão (dinâmicas ou estático-dinâmicas), rugas oblíquas entre os supercílios e rugas transversais na raiz do nariz. Avalia-se também o posicionamento e a forma dos supercílios.

Outra região que também é importante é a lateral das órbitas, onde existem os famosos “pés de galinha”, que nada mais são que a expressão da motilidade do músculo orbicular dos olhos.

Com o passar do tempo, a região malar (bochechas) pode ficar aplanada ou vazia, consequência da flacidez dos tecidos e da força da gravidade. Os lábios podem se apresentar mais finos e com rugas finas ao se redor. Os sulcos periorbitais, principalmente o “corredor das lágrimas”, que forma as olheiras, também devem ser avaliados, assim como os sulcos naso-labiais, também chamados de “bigode chinês” e “linhas de marionete” ao lado dos cantos da boca.

Feito a análise, inicia-se o tratamento da pele para o rejuvenescimento do rosto, com peelings superficiais ou de média profundidade ou microdermoabrasão, com luz pulsada e laser, com o uso contínuo de filtros solares e cremes hidratantes, entre outros. Assim, a textura da pele, as manchas e os microvasos são tratados.

Depois, é a vez da toxina botulínica, mais conhecida como Botox ®. Esta substância é a mais utilizada atualmente para o rejuvenescimento fácil. Ela serve para amenizar a força da musculatura pertinente à cada região onde existem as rugas dinâmicas ou estático-dinâmicas. O importante é fazer um enfraquecimento moderado da musculatura e não completo para não promover uma expressão cérea (como boneco de cera).

Por fim, realiza-se o preenchimento dos sulcos, podendo-se fazer também o aumento das regiões malares com as preparações de ácido hialurônico, substância de última geração para preenchimento, que é absorvida pelo organismo num período entre 18 e 24 meses. Nunca se deve utilizar preenchedores ditos definitivos, como polimetilmetacrilato, pois as complicações são extremamente frequentes.

Todo esse processo é chamado de Softlift. É importante sempre lembrar que é imprescindível passar por uma avaliação prévia com um cirurgião plástico experiente que faça a indicação adequada. Nos pacientes onde existe excesso de flacidez e esta avaliação mostre que o melhor tratamento para o rejuvenescimento facial é cirúrgico, procede-se com a cirurgia e, posteriormente, como manutenção, continua-se com os procedimentos agregados do “softlift”.

Agende sua consulta na Clínica de Cirurgia Plástica Dr. Marcos Grillo: (41) 3343.8881 | (41) 9 9834.6444.

Saiba mais sobre o assunto: http://marcosgrillo.com.br/softlift-2/