Lipoaspiração: sua história

Postado por Marcos Grillo em 26/jan/2018 - Sem Comentários

Lipoaspiração é um dos procedimentos cirúrgicos estéticos mais procurados no mundo, ele possibilita a retirada de gordura localizada de várias partes do corpo humano. Conheça mais sobre a história da Lipoaspiração uma das cirurgias mais requisitadas.

Segundo pesquisa da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (ISAPS), o Brasil é um país com número notável de pessoas vaidosas, no ranking ele encontra-se em segundo lugar como local com maior procura de procedimentos cirúrgicos estéticos, perdendo apenas para os Estados Unidos. Em solo brasileiro foram realizadas cerca de 1,2 milhões de cirurgias plásticas no ano de 2015. Dentre elas, a lipoaspiração é uma das queridinhas do público brasileiro.

HISTÓRIA

Em 2012, o cirurgião plástico grego Dr. Theo Voukidis escreveu um artigo para revista da ISAPS contando um pouco sobre a história da lipoaspiração.

A primeira lipoaspiração foi realizada em 1921 por um cirurgião francês chamado Charles Dujarier, para o procedimento ele utilizou um fino tubo de bambu. Nos anos seguintes a lipoaspiração atraiu vários outros pacientes que tinham interesse na retirada da gordura excedente do corpo. Posteriormente, o material utilizado na lipoaspiração foi substituído por cânulas de curetagem ginecológicas junto com o aperfeiçoamento da técnica.

Porém, a lipoaspiração era traumática para quem se submetia a ela, e após o falecimento de uma modelo francesa por complicações durante o procedimento, a licença do Dr. Dujarier foi cassada por ser acusado de realizar uma intervenção estética sem os devidos conhecimentos necessários.

DO ESQUECIMENTO AO SUCESSO

Após a lipoaspiração ter sido relegada durante anos, após o caso do cirurgião francês, o método retornou na década de 1960 na Europa com especialistas em ginecologia utilizando cânulas ginecológicas. Ainda sim a lipoaspiração continuou tendo várias complicações e casos de óbitos durante e pós-cirurgia.

O procedimento ganhou força, e um “pai” da lipoaspiração surgiu em 1978, o francês Yves Gerard Illouz, ele conseguiu transformar a cirurgia menos agressiva utilizando de uma cânula com ponta romba, ou seja, a ponta era mais arredondada, e uma fonte de sucção potente, resultando em uma melhor qualidade na retirada de gordura.

Por volta de 1985, a lipoaspiração se destacou no mundo como um procedimento estético incrível para quem não se sentia bem com as gorduras localizadas. A técnica atraiu atenção de especialistas das áreas de dermatologia, ginecologia e até mesmo anestesistas se interessaram em aprofundar o conhecimento, dando início a área de cirurgia plástica.

Atualmente a lipoaspiração está cada vez melhor, buscando sempre o aperfeiçoamento técnico para ser menos dolorida e mais segura. Além disso, a lipoaspiração ganhou uma variedade de técnicas.

Fontes:

ISAPS News; Vol. 6, N.3; 2012

Brasil é o segundo no ranking mundial de cirurgias plásticas

A história da Lipoaspiração

 

Lipoaspiração abdominal: Quais os cuidados que se deve ter?

Postado por Marcos Grillo em 29/jun/2017 - Sem Comentários

Quando se trata de Lipoaspiração abdominal, alguns cuidados são fundamentais para a segurança e que o resultado da cirurgia plástica seja bem-sucedido.

Primeiramente, a indicação da lipoaspiração abdominal deve ser precisa. Não se faz essa cirurgia plástica para emagrecer, pois ela não é um método de emagrecimento. O objetivo principal da lipoaspiração é a melhoria do contorno corporal, sendo o melhor e mais utilizado método do mundo para retirada da gordura localizada.

Importante, também, é a qualificação e experiência do profissional escolhido para fazer a lipoaspiração. Essencialmente, o médico deve ser cirurgião plástico com título de especialista da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e com vasta prática do método.

Os exames pré-operatórios são muito importantes. Resumem-se nos exames laboratoriais tais como hemograma, coagulograma, glicemia, T3 T4 TSH, provas da função hepática, ureia, creatinina, algumas vezes teste de hepatite e AIDS, teste de gravidez, parcial de urina. Uma boa avaliação cardiológica pré-operatória e avaliação pré-anestésica.

Feitos todos os exames pré-operatórios, deve-se ter as devidas precauções quanto ao local em que a lipoaspiração abdominal será feita. O procedimento deverá ser realizado em hospital especializado em cirurgia plástica e com equipe de anestesiologista e enfermagem treinados para tal.

O paciente deverá ser operado tomando-se todas as medidas profiláticas para evitar a trombose venosa profunda e consequentemente a embolia pulmonar. O cirurgião deverá escolher a melhor técnica para cada caso individualmente e nunca solicitar que o auxiliar proceda uma parte da cirurgia, por maior segurança que o cirurgião tenha no auxiliar.

No pós-operatório, o paciente precisa utilizar as malhas elásticas, não ficar imobilizado no leito, caminhar, se alimentar adequadamente e ingerir bastante líquidos, de preferência água.

A drenagem linfática realizada por fisioterapeuta experiente é fundamental para que acelere o processo de eliminação do edema e principalmente na resolução mais rápida quando houver o aparecimento das fibroses, que são o endurecimento do tecido abaixo da pele devido ao processo de cicatrização do tecido gorduroso. Às vezes, as fibroses são mais resistentes, mas com os métodos de drenagem linfática manual e com aparelhos sempre existe a resolução.

O resultado final de uma cirurgia plástica de lipoaspiração será considerado após 12 a 18 meses da cirurgia. Evidentemente, após 30 a 60 dias já é possível observar uma mudança das formas corporais.

Fundamental, também, é o paciente se esforçar para manter o resultado da lipoaspiração abdominal, melhorando a qualidade da alimentação e principalmente estabelecendo uma rotina séria na prática dos exercícios físicos.

Para saber mais, tirar suas dúvidas e saber se este procedimento é indicado para você, agende sua consulta na Clínica de Cirurgia Plástica Dr. Marcos Grillo.

 

(41) 3343-8881 ou (41) 99834-6444

Av. Sete de Setembro, 4848, no 12º andar