Implante de silicone nas mamas: qual o melhor plano?

Implante de silicone

Postado por Marcos Grillo em 18/ago/2017

Há indicações diferentes para a colocação de implante de silicone nas mamas. Confira quais são elas e agende uma consulta para descobrir qual é o seu caso.

“Na frente ou atrás do músculo, doutor?” – Essa é uma das dúvidas mais frequentes que as mulheres têm na hora de colocar um implante de silicone. Primeiramente, é importante saber que existem indicações para a escolha do plano de inclusão das próteses adequada para cada paciente.

A colocação retropeitoral, ou “atrás do músculo”, é indicada para mulheres que possuem mamas muito pequenas e, também, se a paciente for muito magra. Essa condição se dá por causa da falta de tecido suficiente para cobrir o implante de silicone.

Já a posição pré-peitoral, também conhecida como subfascial ou ainda “na frente do músculo”, é indicada quando existe tecido mamário suficiente para encobrir todo o implante, evitando, principalmente, o aparecimento das bordas do mesmo.

Uma curiosidade é que, em pacientes que possuam como indicação a colocação das próteses no plano pré-peitoral, pode-se também optar pela escolha do plano retropeitoral. Porém, não se pode colocar os implantes no plano pré-peitoral, quando a indicação é retro peitoral.

Esse questionamento vem acompanhado da preocupação da paciente com a queda das suas mamas. Mas, é importante ressaltar que a posição do implante de silicone não está relacionada aos seios caídos, mas sim a oscilação muito grande de peso.

No geral, não há uma forma correta ou errada para a colocação de implantes de silicone nas mamas. Há apenas a maneira mais adequada para cada mulher, de acordo com suas características.

Conseguiu descobrir qual é o seu caso? Na dúvida, converse muito bem com seu cirurgião. Por isso, agende uma consulta na Clínica de Cirurgia Plástica Dr. Marcos Grillo e fique segura!

(41) 3343-8881 ou (41) 99834-6444

Av. Sete de Setembro, 4848, no 12º andar